Mãe de Rocha tem gratificação na FEM e está na mira de Cameli

O governador Gladson Cameli (sem partido) parece disposto a varrer qualquer vestígio da influência do vice Wherles Rocha do governo. Na mira de Cameli estaria não apenas o presidente da Fundação Elias Mansour, Manoel Pedro de Souza Gomes, o Correinha, como também a mãe do vice-governador, Maria do Socorro Fernandes da Rocha.

Cópia de um decreto (veja ao final da matéria) mostra que Maria do Socorro foi beneficiada na FEM, em março do ano passado, com uma Função Gratificada (FG 10).

O documento, de acordo com uma fonte do oacreagora.com, faz parte de um levantamento supostamente feito a mando de Cameli para detectar os locais de influência de Rocha. E a ordem dada por ele é de que nem mesmo as gratificações concedidas por determinação do vice sejam poupadas.

Com a ‘caça às bruxas’, Correinha também deverá figurar no próximo lote de exonerações assinadas pelo governador.

Nesta segunda-feira (19), conforme publicado pelo site, mais um apoiador de Wherles Rocha foi demitido do governo (veja aqui).

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB