Servidores da Emater ganham ação contra perdas salariais e terão reajuste

Onze servidores públicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Acre (Emater) ganharam na Justiça do Trabalho uma ação movida contra o governo do estado por perdas salariais. Como consequência, eles terão incorporados aos vencimentos valores que variam entre R$ 425,72 e R$ 3.460,39. As portarias, assinadas pelo diretor-interino do órgão estatal, Valtim José da Silva, foram publicadas na edição desta quinta-feira (28) do Diário Oficial do Acre (DOE).

Consultado, Valtim afirmou se tratar de ações relativas aos governos do PT, que não cumpriram o regime CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) que norteia o PCCR (Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração) da categoria.

Segundo ele, o órgão foi recebido completamente ‘sucateado’ pelo atual governo das administrações passadas, e aos poucos tem conseguido se reerguer.

“Felizmente o governador Gladson Cameli tem olhado com carinho para a Emater e mostrado boa vontade para que o órgão se reestruture e volte a cumprir seu papel no desenvolvimento do estado. O agronegócio continua sendo a melhor saída para a economia do Acre”, concluiu.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB