Rocha defende Correinha em nota: vítima de ‘política baixa e hostil’

O vice-governador do Acre, Major Rocha (PSL), saiu em defesa do presidente da Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM), Manoel Pedro, o ‘Correinha’. Em nota publicada na rede social Facebook, neste sábado (10), Rocha se referiu aos ataques que Correinha vem sofrendo.

“Nesta semana, por duas vezes, o presidente do PSDB foi vítima desta política baixa e hostil, patrocinada por políticos e grupos que tem ambições não de defender o Acre, mas sim de usurpar e se locupletar com o bem público”, diz o texto.

A imprensa tem especulado sobre a permanência de Correinha no cargo, já que ele, como presidente do PSDB, apoia o candidato a prefeito de Rio Branco pela sigla, Minoru Kinpara.

Com o governador Gladson Cameli tendo declarado apoio a Socorro Neri (PSB), os integrantes do alto escalão do governo têm sido pressionados a fazer o mesmo. Dias atrás, por exemplo, Cameli exonerou da Emater o braço-direito de Tião Bocalom, Valtin Silva.  

Leia a íntegra da nota de Rocha a seguir:

Nota de repúdio contra os ataques ao presidente em exercício do PSDB Acre, Manoel Pedro*

O vice-governador do Estado do Acre Major Rocha, vem à público repudiar os ataques e ilações maldosas que tem sido plantadas na imprensa local no intuito de atacar a pessoa do presidente regional do Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB, em exercício, Manoel Pedro de Souza Gomes.

A política tem tornado-se um ambiente hostil, onde muitos usam de subterfúgios para atacar e denegrir a imagem e a honra de seus desafetos. No Acre, infelizmente, essa prática tem sido a mesma. Nesta semana, por duas vezes o presidente do PSDB, foi vítima desta política baixa e hostil, patrocinada por políticos e grupos que tem ambições não de defender o Acre, mas sim de usurpar e se locupletar com o bem público.

O PSL, Cidadania e o PSDB confiam plenamente no caráter e integridade do presidente em exercício, Manoel Pedro (Correinha)

Correinha é um dos maiores defensores deste projeto em favor de Rio Branco, nele estão inseridos os sonhos e anseios de cada acreano. Sendo assim, não foi à toa que seu nome foi definido para conduzir o partido e a campanha neste pleito, por sua lealdade e capacidade de construir e agregar em nome de um projeto maior que é a defesa do Acre.

Este grupo seguirá sendo conduzindo pelo presidente em exercício, Manoel Pedro (Correinha) e conta com a confiança e respeito de todos os aliados deste grupo político.

Wherles Rocha

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB