Base de Gladson está espatifada para as eleições de outubro

Desandou

Enquanto tenta colocar o seu governo nos trilhos, o governador Gladson Cameli olha de forma inerte o “espatifado” que virou a sua base. Os principais partidos que o apoiam, incluindo o seu (PP), perceberam logo cedo a falta de firmeza do governador e anteciparam as campanhas municipais . E para essa turma tudo o que está abaixo do cabelo é canela.

Ódio desmedido

A coluna escreveu dias atrás que o candidato tucano Minoru Kimpara teria muita dificuldade para desvincular sua história nos partidos de esquerda, assim como também, da sua militância na Frente Popular Acreana. Mas o que o ex-reitor da Universidade Federal do Acre (Ufac) tem sofrido de ofensas, sobretudo nas redes sociais, é um exagero.  

Atraso

O ano letivo das escolas estaduais começou no dia 10 de fevereiro e o prometido uniforme escolar gratuito para os alunos ainda não chegou. A previsão do governo é que a entrega dos uniformes aconteça somente em maio ou junho.

Alunos ainda sem o prometido uniforme. Foto/oacreagora.com

Bagunça

Conversei sobre o assunto com um coordenador de ensino e o que ouvi foi que por não terem ainda os uniformes, está entrando muita gente que não é aluno na escola. “Entram só para bagunçar”, disse ele.

Explicação

A porta-voz do governo Mirla Miranda, como sempre cortês e atenciosa, falou à coluna que foi feito o levantamento de tamanhos e quantidade para cada escola e que são mais de 150 mil alunos. Por conta disso, segundo ela, o processo pode demorar um pouco mais.

Mais um

Mais um secretário de Gladson jogou a toalha e pediu para sair. Dessa vez quem deixa o governo é o engenheiro Thiago Caetano. Dizem nos bastidores que saiu magoado.

Frito

Caetano é mais um bom quadro que pede para sair do governo. No seu caso, grande parte do desgaste começou a partir do momento que ventilaram o seu nome como possível candidato a prefeito pelo Progressistas (PP). Fritaram o homem!

Caetano pediu para sair. Imagem/internet

Vice para todo lado

Com a eleição para prefeitura de Rio Branco ficando cada vez mais polarizada entre a prefeita Socorro Neri, o tucano Minoru Kimpara e o emedebista Roberto Duarte Jr. , começou a chover pretensos candidatos a vice-prefeito. A cada dia surge um “vice” diferente.

Gol de placa

Algumas pessoas precisam parar de politizar tudo a todo instante. Uma verdadeira loucura. Além de uma chatice ímpar. Criticar a decisão de fornecer duas merendas por turno nas escolas estaduais é de total desfaçatez.  Tremenda bola dentro do governador Gladson Cameli!

Imagem/internet

Pontual

Ouvi alunos, professores e diretores de diversos colégios. Em todos eles as coisas vão se encaixando e os alunos já estão voltando para casa somente após as duas refeições. Caso ainda esteja ocorrendo um ou outro problema, acredito ser pontual.

Mudança de conceito

O que mudou (para melhor) foi o conceito. É obvio que um aluno melhor alimentado renderá muito mais nos estudos. Tem gente que só faz essas duas refeições durante o dia inteiro.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB