PSL confirma que N Lima não teria legenda para concorrer à reeleição

Na manhã desta quarta-feira (11), oacregora.com conversou com o presidente estadual do Partido Social Liberal (PSL) Pedro Valério a respeito das declarações do vereador Nogueira Lima de que o “partido não soube dialogar” e que por conta disso estaria se desfiliando. O dirigente partidário afirmou que foi o próprio parlamentar que disse que iria acompanhar o presidente Bolsonaro na Aliança pelo Brasil (novo partido político que o presidente está tentando criar no país). “Pois que vá!”, afirmou Valério.

“foi o próprio N Lima que declarou que vai acompanhar o presidente Bolsonaro no Aliança pelo Brasil. Então o avisamos muito respeitosamente que no PSL ele não teria legenda para concorrer uma vaga à Câmara Municipal. Precisamos eleger vereadores que permanecerão no partido. Não foi ele que declarou que irá para o Aliança? Pois então vá!”, declarou Pedro Valério.

O dirigente disse ainda que o filho do vereador Nogueira Lima, o deputado estadual Wendy Lima, só usou a sigla para se eleger. “Nunca participou de nenhuma atividade do partido”, encerrou.  

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB