Pré-candidato Fernando Zamora avalia Socorro, Gladson e Bolsonaro

O agora oficialmente escolhido pré-candidato a prefeito de Rio Branco pelo Partido Social Liberal (PSL), Fernando Zamora, avaliou a pedido do oacreagora.com o desempenho do governador Gladson Cameli e do presidente Jair Bolsonaro. O pecuarista falou também o que fará de diferente da prefeita Socorro Neri, caso logre êxito e vença a eleição de outubro próximo.

Confira:

O senhor se apresenta à família rio-branquense como uma opção de direita.  O governador Gladson Cameli se elegeu depois de 20 anos de governos do PT. Para o senhor, politicamente o governador se situa à esquerda ou à direita?

FZ – Quanto ao posicionamento ideológico do governador eu não gostaria de opinar. Isso fica a critério do povo. Eu como pré-candidato prefiro não opinar.

Como pecuarista, como o senhor avalia o desempenho do governo do estado para o setor do agronegócio?

Acredito que no começo do governo ele patinou um pouco. Mas agora com a escolha do Dr°  Edivan para a Sepa (Secretaria de Estado de Produção e Agronegócio) e do Francisco Tum  para o Idaf (Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal), que são pessoas sérias, competentes e conhecedoras da realidade do agronegócio no Acre, eu acho que ele acertou  em cheio. Espero que essas pessoas sejam valorizadas pelo serviço que vêm fazendo e não corram perigo de perderem seus cargos por questões políticas.

Caso eleito, o que o senhor fará de diferente da prefeita Socorro Neri?

O meu modo de visão de administração pública é muito distinto da prefeita Socorro Neri, que é uma pessoa que eu respeito muito, tenho amizade e carinho. Mas ela está terminando um projeto do PT que elegeu o Marcus Alexandre. Minha visão é muito diferente da dela. É uma visão de menos estado, de mais iniciativa privada, uma visão mais liberal.

Como o senhor avalia o governo do presidente  Bolsonaro nesses primeiros 16 meses?

Eu avalio como bom. Gostei da forma como ele escolheu o seu ministério, uma equipe técnica, sem barganha com o legislativo. Tem uma equipe muito boa, tem tudo para dar certo. O Brasil tem potencial para isso. Vinha melhorando, apresentando melhoras na economia, mas infelizmente essa pandemia, que é uma coisa inédita no mundo, vai trazer problemas não só para o Brasil, mas para o mundo inteiro. Quanto mais tempo durar esse isolamento, mais prejuízo econômico o país terá. Mas nós temos uma excelente capacidade de recuperação e acredito que, a curto e médio prazo tem tudo para dar certo. Avalio como bom o primeiro ano de gestão do presidente Bolsonaro.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB