Médicos podem ser principais suspeitos de furto no Hospital da Criança

As polícias Civil e Federal investigam o furto de medicamento ocorrido no Hospital da Criança, em Rio Branco, na segunda-feira (9). Nos últimos dias, agentes da PF circularam pelas dependências da unidade de saúde na tentativa de descobrir indícios sobre a autoria do crime. A polícia não descarta nenhuma vertente de investigação, mas fontes de dentro do hospital dizem que os principais suspeitos seriam médicos que detêm consultórios particulares e sabiam do valor da medicação.

Usado para o tratamento de Atrofia Muscular Espinhal (AME), uma única dose do medicamento custa R$ 370 mil. As doses remanescentes, destinadas ao tratamento de duas crianças, sumiram do freezer do hospital. O furto só foi detectado na segunda, quando as pacientes aguardavam na sala de cirurgia.

Após o crime, foi providenciada a instalação de grades nas janelas e até câmeras de monitoramento na farmácia.  

A mãe de uma das crianças que receberiam a quarta e última dose do remédio afirma que teve que esperar por dois anos por uma decisão da justiça para que a filha e o sobrinho pudessem ser medicados. Segundo ela, a aplicação não foi feita na semana passada por falta de anestesia na unidade.

Em nota (leia ao final da matéria), a Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) confirmou o furto, ressaltando ter registrado um boletim de ocorrência na Polícia Civil. Consultada pelo oacreagora.com, a assessoria de imprensa da pasta informou que o caso tramita na Delegacia da Sobral, com inquérito policial presidido pelo delegado Fabrízio Sobreira.

Segundo a Sesacre, a Polícia Federal colabora com as investigações. E a prioridade no momento é obter o mais rápido possível um novo lote do medicamento junto ao Ministério da Saúde.

A reportagem tentou, sem sucesso, contatar a assessoria de imprensa da PF no Acre na tentativa de confirmar a informação de que os médicos seriam os principais suspeitos no caso.

Segundo a Secretaria de Saúde, ainda é cedo para apontar prováveis culpados.

Veja a nota da Sesacre:

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) confirma que houve furto de medicamento, no Hospital da Criança, destinado às únicas duas crianças existentes no estado com atrofia muscular espinhal.

A Sesacre, no entanto, já acionou o Ministério da Saúde em Brasília para que um novo lote seja enviado para o Acre em caráter de urgência, de modo a não prejudicar os dois pacientes que precisam do remédio.

Informa ainda, por meio da sua assessoria jurídica, que imediatamente após ser descoberto o furto, um boletim de ocorrência policial foi realizado, seguido de abertura de inquérito policial para apurar as circunstâncias em que o lote de medicamento foi levado.

Atualização às 16h11

A assessoria de imprensa da Sesacre encaminhou nota à redação comentando o conteúdo da matéria. Segue:

Nota de Esclarecimento

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) vem a público esclarecer a verdade sobre as informações divulgadas pelo site oacreagora.com mencionando que médicos seriam os principais suspeitos do furto de medicamentos, no Hospital da Criança, destinado às duas únicas crianças no Estado com atrofia muscular espinhal.

A Sesacre esclarece que as investigações estão sendo realizadas pela Polícia Federal (PF) e pela Polícia Civil (PC), que foram acionadas pela instituição, logo após tomar conhecimento do fato, e que os trâmites ocorrem em segredo de justiça.

Todas as medidas investigativas estão sendo tomadas por parte das polícias. A Sesacre não aponta culpados e suspeitos, sendo esse o papel dos órgãos investigativos.

A Sesacre acionou o Ministério da Saúde, em Brasília, nas primeiras horas da segunda-feira, 9, para que um novo lote do medicamento seja enviado ao Acre.

A mãe de uma das crianças divulgou um vídeo em suas redes sociais, pedindo para que não fossem propagadas informações levianas, destacando o trabalho da PF e PC que atuam sobre as investigações, e, da Sesacre que buscou prontamente a rápida solicitação de uma nova remessa do remédio.

Rio Branco, AC, 11 de março de 2020

Secretaria de Estado de Saúde do Acre – Sesacre


Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB