Marina Silva comenta sobre os 56 anos da ditadura militar no Brasil

A ex-senadora acreana Marina Silva usou suas redes sociais nesta terça-feira (31) para lembrar que hoje completa 56 anos do início do golpe militar no Brasil. Marina disse que o período foi sombrio e que prevaleceu a perseguição política, o cerceamento da liberdade e o fechamento de instituições democráticas.

A ex-senadora reforçou ainda que fazer apologia à ditadura é crime. “Nesse momento de grave instabilidade institucional, promovido pelo próprio governo, deve reafirmar em alto e bom som nosso compromisso com a Constituição e a defesa intransigente do Estado democrático de direito”, escreveu Marina Silva.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB