Lula foca na abstenção de votos e diz que pretende vencer no 1º turno

Lula falou para 6.000 apoiadores nesta terça-feira
Reprodução / Youtube 04.09.2022

Lula falou para 6.000 apoiadores nesta terça-feira

O candidato à Presidência , Luiz Inácio Lula da Silva (PT) , afirmou, nesta terça-feira (13), que pretende vencer as eleições no primeiro-turno . Ele pediu que militantes da campanha reforcem a importância do voto. O petista está preocupado com a alta abstenção  nas eleições brasileiras e disse que isso é “um problema sério”, durante reunião com mais de 6.000 apoiadores.

“Tem gente que tem vergonha de falar que quer ganhar no 1º turno porque parece soberba. Não. Nunca fiz eleição para ganhar no 2º turno. Todas as que eu participei, desde 1989, eu quis ganhar no 1º turno. Só não ganhei porque o povo não quis”, disse.

“Se tem candidato que tem 1% e está acreditando que vai ganhar, eu que tenho 46% tenho que acreditar que é possível nesses próximos 20 dias conquistar os 4% de votos que faltam”, acrescentou Lula.

O candidato também falou sobre a participação do cidadão no processo eleitoral.

“Quem não vota, perde um pouco da autoridade de cobrar de quem foi eleito. É importante participar do processo, mesmo quem quer se abster de votar, essas pessoas têm pensamento para a família, para o país, têm um desejo e um espelho para o tipo de vida que quer para sua família e isso está muito ligado ao tipo de política que pode ser feita no Brasil”, disse candidato.

O discurso do petista durou menos de 30 minutos, segundo o jornal O Globo. Ele falou para comunicadores dos partidos aliados, centrais sindicais e movimentos sociais.

Na finalização, Lula agradeceu o engajamento e acentuou que o discurso nos últimos dias de campanha devem evidenciar que a luta na eleição deste ano é entre o amor e o ódio.

Pesquisa eleitoral

Segundo o levantamento do Ipec , divulgado na noite de segunda-feira (12), o ex-presidente lidera a corrida presidencial com 46% das intenções de voto, enquanto Jair Bolsonaro (PL) tem 31%.

A pesquisa também revelou que o petista teria 51% dos votos válidos se a eleição fosse hoje . Já o atual presidente teria 35% dos votos considerados válidos, cálculo que desconsidera brancos e nulos e eleitores que não sabem ou responderam.

Já o levantamento do Instituto Paraná Pesquisas , divulgado nesta terça-feira (13), mostra que Lula empata tecnicamente com o atual mandatário do Brasil. Segundo a pesquisa, o petista tem 39,6% das intenções de voto contra 36,5% de Bolsonaro, ou seja, o empate segue considerando a margem de erro de dois pontos percentuais. 

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB