Iapen determina que presos com suspeita de coronavírus fiquem isolados

O plano de contingência adotado pelo Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen), publicado na edição desta quarta-feira (15) do Diário Oficial do Estado (DOE), determina que os detentos com suspeita de infecção por coronavírus sejam mantidos em isolamento nos pavilhões “Q” e “R” do presídio Francisco de Oliveira Conde. Os atendimentos médicos só serão realizados ‘em casos de emergência’, diz o documento.

Ainda de acordo com o plano de contingência, os presos devem ser orientados “a cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar (com cotovelo flexionado), evitar o toque em mucosas de olho, nariz e boca e realizar higiene das mãos frequentemente”.

O texto recomenda ainda a criação de ‘barreiras sanitárias’ nos presídios, a partir da instalação de pias em que os servidores possam lavar as mãos ao entrar e sair das unidades prisionais, bem como para a desinfecção dos calçados e equipamentos usados em serviço.

Segundo manda a direção do Iapen, as superfícies das celas, alojamentos e de outros ambientes utilizados por servidores e presos devem ser higienizados. O mesmo precisa ocorrer com equipamentos e produtos para saúde que tenham sido utilizados na assistência ao preso.

O documento pode ser lido na íntegra a partir da página de número 33 do Diário Oficial.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB