Decreto de Gladson subordina ‘conselho político’ a Ribamar Trindade

O Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira (9) publicou o decreto do governador Gladson Cameli (PP) com a nomeação dos membros do seu ‘conselho político’. O grupo, composto por sete pessoas, já vinha se movimentando nos bastidores, sob a incumbência de aplainar os tortuosos caminhos do governo. A novidade do decreto é que Cameli determinou a subordinação do tal conselho ao secretário do Gabinete Civil, Ribamar Trindade.

No começo de fevereiro, o ex-deputado federal constituinte Osmir Lima, um dos integrantes do grupo, declarou a um blog local que o objetivo do conselho seria ‘desafogar a Casa Civil’. A declaração não pegou bem para o titular da pasta.  

Talvez para desfazer a má impressão causada pela declaração de Lima é que o governador Gladson tratou de especificar no decreto quem está no topo da hierarquia.

Além de ‘desafogar a Casa Civil’, o grupo tem o objetivo de ‘auxiliar na gestão de modo geral’.

Publicação no Diário Oficial deixa claro quem é que manda no conselho político

O time é composto ainda pelos ex-deputados Nelson Sales, Élson Santiago e Jairo Carvalho, além do ex-vereador de Bujari Marieldo Alves e dos articuladores políticos Paulo Ximenes e Normando Sales.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB