Empresas de ônibus reduzem frota no Acre e falam em demissões

As empresas do transporte público que operam no Acre passam por uma crise sem precedentes na história local. É o que diz o empresário Aluizio Abade, gerente da Via Verde. Segundo ele, a frota em circulação atualmente foi reduzida em 10% do total, com apenas 30 coletivos em circulação na capital. Sem ´plano b’, os empresários do setor não descartam a necessidade de demitir pessoal.

“Estamos com 80% menos passageiros utilizando o transporte público em rio Branco”, lamentou Abade ao site oacreagora.com.    

Obrigadas a suspender os contratos de trabalho, dentro do que permite o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda, as empresas temem um cenário de progressão da quarentena. É que o socorro do governo federal tem prazo de 60 dias para acabar.

“Vamos ver o que vai acontecer, porque ninguém sabe como as coisa vão ficar daqui para a frente”, concluiu Abade.  

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB