Ambulante é preso no interior acusado de estuprar crianças de 10 e 12 anos

A Polícia Civil prendeu nesta quinta-feira (5), no município de Capixaba, um vendedor ambulante acusado de estuprar crianças com idades entre 10 e 12 anos. Duas vítimas foram confirmadas, mas a polícia suspeita que o número pode chegar a cinco.

Ao cumprir um mandado de prisão preventiva e de busca na residência do acusado, a polícia encontrou um pendrive com imagens das vítimas, feitas no momento do abuso.

A polícia passou a investigar o vendedor em dezembro de 2029, depois que a mãe de um dos garotos percebeu o comportamento estranho do filho e procurou a polícia. O delegado responsável pelas investigações, Carlos Bayma, disse que o suspeito tinha preferência por garotos.

“Há muito tempo que ele praticava os abusos aqui em Capixaba. As mães não desconfiavam, mas teve uma que foi lá na delegacia”, disse Bayma ao site G1 Acre.

Para atrair as vítimas, o vendedor oferecia doces, dinheiro e até roupas. Ainda de acordo com o delegado, o suspeito montava a barraca de venda próximo a casa das vítimas para ganhar confiança das crianças e dos pais.

As escolas no município eram outros pontos preferíveis pelo ambulante. Sempre que se sentia atraído por uma criança ele ficava em frente à residência da família dando doces e conversando com os pais.

De acordo com Bayma, as investigações começaram em dezembro do ano passado.

O suspeito está detido na delegacia da cidade, e deverá ser ouvido ainda nesta sexta-feira (6) ou na próxima segunda, dia 9.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB