“Se é demagogia querer gerar emprego, somos demagogos”, diz Celestino

O presidente da Associação Comercial do Acre (Acisa), Celestino Bento de Oliveira, reagiu com ironia à declaração do governador Gladson Cameli, feita nesta segunda-feira (22), segundo a qual ‘nada está fechado no Acre’. Cameli afirmou, durante apresentação do Tratado Convivo Sem Covid, que é preciso ‘parar com a demagogia’, em alusão a empresários que se queixam da paralisação decorrente dos decretos governamentais que impuseram as medidas de isolamento social e o fechamento do comércio.

Consultado pelo oacreagora.com por meio da assessoria de imprensa da Acisa, Celestino Bento respondeu:

“Se é demagogia buscar alternativas à sobrevivência, somos demagogos. Se é demagogia querermos que o comércio reabra com o que recomenda a OMS [Organização Mundial da Saúde], somos demagogos sim. Se é demagogia você querer gerar emprego em um estado tão carente, somos demagogos sim. Se é demagogia você querer gerar riqueza e renda para o estado, somos demagogos”.

Ele acrescentou que desde o começo da pandemia tem dito ao governador Gladson que é possível salvar vidas, empregos e empresas.

“Se ele não arrumou metodologia até então, passados 95 dias, vamos continuar sendo demagogos, infelizmente”, concluiu.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB