fbpx

Prefeitura vai injetar R$ 42 milhões na economia com adiantamento de 13º

A decisão do prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, de antecipar 50% do 13º Salário dos servidores municipais já neste mês vai injetar R$ 42 milhões na economia local. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (10) pela Diretoria de Comunicação do município (Dircom).    

Com a medida, Bocalom cumpre parte da política de valorização do servidor adotada pela atual administração do município, conforme frisado à reportagem do oacreagora.com.

Os efeitos causados pela pandemia do coronavírus foram o motivo que levaram o prefeito a anunciar a antecipação de parte do 13º. O montante de R$ 42 milhões citados por ele na terça é formado por R$ 28 milhões referentes ao salário de junho e mais R$ 14 milhões correspondentes à metade do 13º salário.

“Não tenho dúvida nenhuma de que esses recursos vão fomentar muito o mercado local e vão também solucionar um pouco do problema sério da economia que estamos atravessando em função da pandemia do coronavírus, a história do fique em casa. Evidentemente, que muitos dos funcionários têm parentes que perderam seus empregos e essa antecipação vem em boa hora”, disse Bocalom.

Gostou deste artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkedin
Share on whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB