Mães que perderam filhos voltam a protestar contra Cameli

RedaçãoUm grupo liderado por Joelma Dantas, mãe de Théo, uma das vítimas fatais da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) no Acre, voltou a protestar em frente ao Palácio Rio Branco na tarde desta segunda-feira (20). No local, o governo agendou a entrega de quatro viaturas da patrulha Maria da Penha e armamentos para Polícia Militar e Civil.

O evento teria a participação da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Cristiane Britto.

Pela manhã, os manifestantes já haviam estado no local para o protesto contra o governador Gladson Cameli, mas o evento acabou adiado para esta tarde.

Com cartazes, as mães que perderam seus filhos responsabilizam o governo pelas mortes.

Elas chegaram a pedir a exumação dos corpos a fim de provar que as crianças foram vítimas de negligência, conforme tem sido dito por Joelma Dantas.

Ela destacou na tarde de hoje que uma reunião com o presidente Jair Bolsonaro deve ser realizada em breve, por intervenção do senador Marcio Bittar.

“Nós conseguimos com o senador uma agenda com o Bolsonaro. Amanhã ele vai organizar isso, graças a Deus”, concluiu Joelma.

Gostou deste artigo?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
Linkedin
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

© COPYRIGHT O ACRE AGORA.COM – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. SITE DESENVOLVIDO POR R&D – DESIGN GRÁFICO E WEB